Parceiros
Cantinho da BicharadaCastelo Branco

Homem interceptado em Idanha-a-Nova transportava 48 aves exóticas

- publicidade -

Em comunicado, o Comando Territorial de Castelo Branco informa que através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Idanha-a-Nova e do Posto Territorial da Zebreira, no dia 13 de abril, identificou um homem de 42 anos por detenção ilegal de espécies exóticas, no concelho de Idanha-a-Nova.

No âmbito de uma operação de fiscalização rodoviária, os elementos do NPA abordaram um indivíduo e no decorrer das diligências policiais constatou-se que transportava várias aves exóticas, destacando-se seis papagaios-cinzentos da espécie Psittacus Erithacus, os quais não possuíam a respetiva declaração ou registo da Convenção sobre o Comércio Internacional de Espécies da Fauna e da Flora Selvagem Ameaçadas de Extinção (CITES).

No seguimento da ação, foi possível constatar que as restantes aves exóticas não devidamente identificadas através da colocação de anilhas, tendo sido apreendidos: 6 papagaios-cinzentos (Psittacus erithacus); 32 caturras (Nymphicus hollandicus) e 20 agapornis (Agapornis roseicollis).

Desta ação resultou a elaboração de um auto de contraordenação, cuja infração é punível com uma coima que pode ascender aos 10 mil euros, o qual foi remetido para o Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF), autoridade nacional CITES.

O tráfico de aves é uma atividade ilícita de escala global, sendo este tipo de tráfico mais expressivo nas espécies exóticas. Só no ano de 2021, a Guarda procedeu à apreensão de 1525 aves exóticas.

A Guarda Nacional Republicana, através do Serviço da Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), tem como preocupação diária a proteção ambiental e dos animais. Para o efeito, poderá ser utilizada a Linha SOS Ambiente e Território (808 200 520) funcionando em permanência para a denúncia de infrações ou esclarecimento de dúvidas.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário