Justiça

Homem acusado de matar companheira e esconder corpo em mala condenado a 20 anos de prisão

- publicidade -

O homem acusado de matar a companheira e esconder o corpo numa mala de viagem, em Arruda dos Vinhos, Lisboa, foi hoje condenado a 20 anos e seis meses de prisão pelo Tribunal de Loures.

O tribunal condenou o homem pela prática dos crimes de homicídio qualificado (19 anos), violência doméstica (dois anos e três meses) e profanação de cadáver (um ano e oito meses).

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui