DistritoGrândola

Grândola | Promotor de projeto turístico de Tróia não recebeu notificação para suspender obras

O promotor do projeto turístico “Na Praia”, em Tróia, declarou hoje que não recebeu “até ao momento” nenhuma notificação do tribunal a ordenar a suspensão das obras, rejeitando intervenções nas dunas primária e secundária.

De acordo com a Agência Lusa, o promotor Ferrado Na Comporta, afirmou que “não recebeu, até ao momento, notificação do Tribunal Administrativo [e Fiscal] de Beja solicitando a suspensão de obras no local”.

A Plataforma Dunas Livres divulgou, esta sexta-feira (24), em comunicado, que a Associação Dunas Livres, interpôs no Tribunal Administrativo e Fiscal (TAF) de Beja uma providência cautelar “para parar com urgência as obras no terreno dunar de Tróia” onde “se iniciaram trabalhos de urbanização para o conjunto turístico ‘Na Praia'”.

Em causa, segundo a Plataforma Dunas Livres – que é constituída pela Associação Dunas Livres, Quercus, ZERO, LPN, Geota, SPECO, SPEA, Ocean Alive, Sciaena e Associação Íris -, estão “impactos muito significativos sobre os sistemas ecológicos, além de riscos costeiros, pressão sobre recursos hídricos, solos, ar, paisagem”.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *