Grândola

Grândola: Obras nos Paços do Concelho revelam vestígios históricos com 400 anos

Os arqueólogos descobriram vestígios que remetem para o século XVI e XVII, no âmbito das obras de reabilitação dos antigos Paços do Concelho de Grândola.

publicidade

Os arqueólogos descobriram vestígios que remetem para o século XVI e XVII, no âmbito das obras de reabilitação dos antigos Paços do Concelho de Grândola.

“Neste momento decorrem trabalhos de escavação numa sepultura pertencente provavelmente a um indivíduo inumado no século XVI ou XVII tendo sido também identificado e escavado um silo com cerca de 1,5 m de profundidade, contendo no seu interior abundante material arqueológico, constituído maioritariamente por cerâmicas, metais, moedas, vidros, ossos de animais e conchas”, comunicou a autarquia.

Na nota, a Câmara Municipal revela que foram descobertas no edifico “algumas fendas nas suas paredes estruturais provocadas provavelmente pelo terramoto de 1755. Foram também identificadas três paredes levantadas segundo o sistema de gaiola pombalina, construídas após aquela catástrofe”, pode ler-se.

“O estudo deste material permitirá uma viagem sem precedentes ao quotidiano das gentes que viveram em Grândola nesta época. Depois de tratado e analisado, o espólio arqueológico irá ser exposto”.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui