Parceiros
AtualidadePaís

Governo apoia alimentação animal com 500 mil euros

O Ministério da Agricultura disponibilizou um apoio extraordinário de 500.000 euros de dotação inicial para a aquisição de alimentação animal nas zonas fustigadas pelos incêndios rurais.

Em comunicado, o Ministério da Agricultura e da Alimentação anunciou que está a assegurar a “disponibilização de um apoio extraordinário, com uma dotação inicial de 500.000 euros, para apoiar os agricultores na compra de alimentação animal, nos territórios afetados pela destruição causada pelos fogos rurais, que estão a atingir o país”.


Os fundos disponibilizados serão divididos mediante o levantamento dos prejuízos, que será realizado pelas Direções Regionais de Agricultura e Pescas, depois de efetuado o preenchimento de um formulário disponível no ‘site’ do Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas (IFAP).

Por outro lado, são fornecidas seis toneladas de alimento para abelhas, que será distribuído em conjunto com a Federação Nacional de Apicultores de Portugal (FNAP).

Ainda foi adiantado que a “A estes apoios extraordinários, destinados a assegurar a alimentação animal, o Ministério da Agricultura e da Alimentação determinou à autoridade de gestão do PDR 2020 [Programa de Desenvolvimento Rural] a abertura das medidas de apoio ao restabelecimento do potencial produtivo das explorações agrícolas, logo que estejam concluídos os levantamentos das áreas e dos prejuízos”.

De acordo com o ministério a cargo de Maria do Céu Antunes, os dados provisórios, recolhidos até ao dia 26 de julho, indicam que de perto 58 mil hectares já arderam em Portugal sendo que 11%, ou 6.377 hectares, são campos agrícolas.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.