Atualidadecoronavírus

GNR acabou com festa ilegal e deteve três pessoas

- publicidade -

A GNR foi chamada à barragem do Funcho, em São Bartolomeu de Messines, Silves, onde decorria uma festa ilegal com cerca de 80 pessoas, ao início da tarde deste sábado.

Da ação de fiscalização resultou a detenção de dois homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 21 e os 32 anos, por suspeitas de tráfico de estupefacientes e a apreensão de 179 doses de haxixe, 13 doses de cocaína e sete doses de canábis.

«No seguimento de denúncia a dar conta de ruído proveniente de uma zona isolada nas proximidades da barragem do Funcho, os militares da Guarda vieram a localizar o origem do ruído, constatando estar perante a realização de uma festa ilegal que contava com a presença de cerca de 80 pessoas, as quais foram abordadas, fiscalizadas e dada a indicação para desmobilizar por incumprimento das medidas em vigor associadas à pandemia de Covid-19» refere um comunicado da GNR.

Os organizadores do evento foram identificados e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Silves.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui