FamososMundoTV e Cinema

‘Gigante da Revolução’ português vai ser estrela de série nos EUA

Peter Francisco, ou Pedro Francisco Machado, é um nome pouco reconhecido por terras lusas, mas podemos dizer-lhe que o seu nome é homenageado pela comunidade portuguesa em New Bedford (Massachusetts) a 15 de Março, e foi-lhe dedicado um monumento no Guilford Courthouse National Military Park, pelo seu desempenho na Guerra da Revolução Americana, em 1776.

Dele disse George Washington, um dos ‘pais fundadores’ dos Estados Unidos e o seu primeiro presidente: «sem ele, teríamos perdido duas importantes batalhas, talvez a Guerra e, com ela, a nossa liberdade. Ele era verdadeiramente um exército de um homem só.»


Foi também George Washington quem mandou elaborar uma espada especial, adequada ao tamanho deste herói, com 1,98 de comprimento.

Sim, leu bem, uma espada com cerca de dois metros.

Isto porque Pedro Francisco, ou Peter Francisco, era conhecido como ‘O Gigante da Virgínia’, o ‘Gigante da Revolução’ e ainda como ‘Hércules da Virgínia’, por ter 1.98 de altura, uma estatura muito acima da média dos soldados de então.

Foi com essa espada que terá aterrorizado os britânicos, e com a qual lutou ao lado de George Washington e do marquês de Lafayette, tendo sofrido numerosos ferimentos em combate, em defesa da independência de sua pátria de adopção.

Também a forma como Peter Francisco chegou à América é digna desta série: nasceu na ilha Terceira, na freguesia do Porto Judeu, concelho de Angra do Heroísmo, nos Açores, mas aos cinco anos foi raptado por piratas e levado para Virgínia.

Aí foi encontrado no porto, a chorar, e acabou por ser acolhido pelo juiz Anthony Winston, de Buckingham County na Virgínia.

Começou a vida de trabalho como ferreiro, no entanto alistou-se aos 16 anos no 10.º Regimento da Virgínia e viria a servir sob o comando de George Washington em Brandywine Creek, na Pensilvânia, em 1777, onde as forças dos colonos tentaram deter o avanço de 12.500 soldados britânicos que avançavam em direcção a Filadélfia.

Após a guerra, viria a tornar-se um homem abastado, membro da Câmara de Representantes da Virgínia, e devido ao seu tamanho e força, manteve-se como uma figura lendária até à sua morte. Foi sepultado com honras militares no Cemitério Shockoe Hill em Richmond, na Virgínia.

Selo comemorativo da vida de Peter Francisco

Regressemos aos tempos modernos e agora a Travis Bowman, o descendente de sétima geração deste hercúleo herói e o responsável pela série ‘Luso’, que será protagonizada pelo actor e produtor Brian Patrick Wade.

Levar aos ecrãs a história do seu antepassado é um sonho antigo de Bowman, que já escreveu em 2009 o livro «Hercules da Revolução», e em 2011 produziu um documentário sobre o tema, «A História de Peter Francisco».

Em 2013 anunciou que estava a escrever um guião e procurava um investidor, mas o projecto acabou por não avançar.

Agora, em 2022, Bowman anuncia que está a gravar a série ‘Luso’, com Brian Patrick Wade, também este um ‘gigante’, que pode ter visto como Homem-absorvente na série da Marvel ‘Agentes da SHIELD’, ou ainda como Kurt, um dos muitos namorados de Penny, na série ‘The Big Bang Theory’.

Ao Diário do Distrito, a produção da série garantiu que tenciona estrear ‘Luso’ em 2023 em Portugal e que estão a ser desenvolvidos contactos com o Governo português acerca da série.

Prometemos mais novidades em breve.

- publicidade -

Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.