Atualidade

Frio e chuva a partir de quarta-feira

publicidade

Depois de um início soalheiro, os primeiros dias de Novembro podem trazer um agravamento do estado do tempo.

Segundo o site Best Weather, a análise meteorológica para os próximos dias aponta para a formação de um novo sistema ciclónico sobre Portugal continental, que irá causar mau tempo a partir dos dias 3 e 4 de Novembro.

Apesar de um fim-de-semana marcado pela presença de massas de ar quentes e estáveis vindas do Atlântico subtropical, uma mudança brusca é esperada a partir de terça-feira.

«Primeiro, uma frente fria irá avançar sobre o território, com ar frio a colidir com o ar quente presente sobre o território, que será depois reactivada pela chegada de uma perturbação polar em altitude na quarta-feira» descreve o site de meteorologia.

«A interacção destes elementos atmosféricos deve gerar uma baixa pressão (ciclogénese) sobre o sul de Portugal continental, que depois deverá avançar para o Atlântico, ficando a oeste do território durante alguns dias.»

Isto vai significar «precipitação localmente significativa, com o potencial para acumulados localmente superiores a 50- 100 litros por metro quadrado em 24h, com risco de inundações».

Lugar ainda para queda de neve a cotas que poderão descer abaixo dos 800m no interior norte e centro, com acumulados de neve que poderão ser significativos acima dos 800-1000m de altitude. A cota de neve tendera depois a subir a finais da semana.

Possibilidade também de ocorrência de trovoadas, com granizo, vento forte e picos significativos de precipitação em pouco espaço de tempo.

O vento deverá intensificar-se, com rajadas mais fortes nas terras altas e em pontos mais expostos. Não se descartam valores até 100km/h em alguns locais.

«Novembro deverá ser um mês em geral instável, com mais episódios de chuva, seguindo a linha dos últimos anos, no entanto Dezembro poderá ser um mês mais seco.»

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui