Fiscalização da GNR sobre pirotécnica realizada em Alcochete, Barreiro, Moita e Montijo

A GNR levou a cabo uma operação de fiscalização em estabelecimentos nas localidades de Alcochete, Moita, Montijo e Santo António da Charneca, concelho do Barreiro, em que foram detectados vários artigos de pirotécnia que se encontravam à venda em situação irregular.

0
225
Tempo de Leitura: < 1 minuto

Elementos do Destacamento Territorial da GNR no Montijo realizou hoje, dia 17 de fevereiro, uma operação de fiscalização e de sensibilização no âmbito da pirotecnia, com o objetivo de sensibilizar a população e os comerciantes para os perigos do uso de artigos de pirotecnia.

No decorrer da operação, que incidiu em estabelecimentos nas localidades de Alcochete, Moita, Montijo e Santo António da Charneca, concelho do Barreiro, os militares detetaram vários artigos que se encontravam à venda em situação irregular.

Foram elaborados dois autos de notícia por contraordenação, um por falta de indicação da distância de segurança para a utilização do artigo e outro por falta da indicação da idade mínima para utilização dos artigos. Ambas as coimas podem chegar até aos 1 750 euros.

Foi ainda apreendido o seguinte material: 63 artigos pirotécnicos com 5,1 gramas de teor líquido explosivo e 24 artigos pirotécnicos com 7 gramas de teor líquido explosivo.

O material apreendido foi recolhido por uma equipa de inativação de engenhos explosivos da GNR para peritagem, destruição e posterior envio de expediente à Polícia de Segurança Pública.

Esta operação contou com a intervenção de militares dos Postos Territoriais de Alcochete, Moita e da Secretaria do Destacamento Territorial do Montijo e ainda com o apoio dos militares da equipa de inativação de engenhos explosivos do Destacamento de Intervenção de Setúbal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome