Atualidade

FENPROF avança com greve geral de professores e educadores

- publicidade -

A FENPROF vai avançar com uma greve geral de professores e educadores no próximo dia 11 de Dezembro.

De início, a FENPROF admitiu uma greve de três dias (9, 10 e 11 de dezembro), incidindo, cada dia, numa região do país no entanto após reuniões e plenários e consulta aos professores, resultou a decisão de uma paralisação no mesmo dia em todo o país.

Mário Nogueira, secretário-geral da FENPROF considera que «decididamente, a Educação vive um tempo sem rumo. Somam-se e agravam-se problemas, perante a passividade completa dos responsáveis do ministério que, desorientados, desapareceram de circulação.»

Na nota publicada na página da frente sindical, Mário Nogueira critica o ministro da educação «a quem falta capacidade, quiçá, competência para resolver os problemas, o que se agrava pelo facto de também lhe faltar cultura democrática, que, tivesse dela um pouco, lhe permitiria abrir linhas de diálogo e desenvolver processos negociais, no âmbito dos quais se encontrariam, certamente, as soluções indispensáveis.

Não o fazendo, o ministro viola a lei que estabelece as normas da negociação coletiva, não acolhe recomendações internacionais que apelam ao diálogo social e manifesta um profundo desrespeito pelos professores e suas organizações representativas.»

As críticas vão também no sentido da falta de negociação das condições de segurança e saúde nas escolas. «Impôs normas insuficientes de prevenção e proteção, encobre o que se passa nas escolas e expõe todos a um risco acrescido, que muito preocupa os professores e quantos fazem da escola o quotidiano.»


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo