Empresa ‘Bacalhôa’ comprou edifício de 30 mil metros quadrados em Azeitão

A antiga garagem de autocarros da Transportadora Setubalense, do Grupo Barraqueiro, foi comprada pela Bacalhôa Vinhos de Portugal, S.A., empresa pertencente a José Berardo.

0
475
Tempo de Leitura: < 1 minuto

A Bacalhôa Vinhos de Portugal, S.A comprou o ano passado uma antiga garagem em Azeitão que, além de servir o negócio dos vinhos da família Berardo, poderá vir a albergar a coleção Berardo se esta sair do CCB, em Lisboa.

O edifício, que tem 30 mil metros quadrados e está avaliado em vários milhões de euros, poderá servir para albergar a coleção Berardo com 862 obras, detida pela Associação Coleção Berardo se o acordo com o Estado para a manutenção das obras de arte no Centro Cultural de Belém não for renovado em 2022.

Trata-se da antiga garagem de autocarros da Transportadora Setubalense, do Grupo Barraqueiro e depois da Rodoviária Nacional, localizada na NAC10, que poderá vir a servir para a instalação de um centro cultural com o nome Bacalhôa Berardo Collection (BBC), ou mesmo para fins relacionados com a atividade dos vinhos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome