Opinião

Empobrecimento & Perseguição

Uma crónica da inteira responsabilidade de João Garrett Condelipes

- publicidade -

Novamente, o Largo do Rato confunde o partido e o Estado, como se ambos, fossem a mesma coisa. Agem com total impunidade, e como tudo, lhes fosse permitido, Miguel Alves, ex-secretário de Estado, foi presidente da Câmara de Caminha, entre 2013 e setembro deste ano, e enquanto exercia o mandato, foi inclusive promovido a comentador na televisão pública. Entretanto, no site do município referido, foram apagadas informações para encobrir Miguel Alves, em causa, informações falsas publicadas de um empresário, que tiveram origem num comunicado municipal, entretanto apagado.

A Câmara de Viana do Castelo, está a ser investigada pela PGR, por suspeitas de ajustes diretos, e concursos públicos viciados, no período em que o atual secretário de Estado do mar, José Maria Costa, presidiu à autarquia, entre 2009 e outubro 2021.

Na Câmara de Nelas, a PJ efetuou esta semana buscas, também por suspeitas de contratos ruinosos, celebrados pelo antigo autarca Socialista, José Borges da Silva, que presidiu ao município por 8 anos.

No comando-geral da GNR em Lisboa, foram dadas ordens, para reduzir impressões de documentos e fotocopias, essenciais ao funcionamento da instituição. Segundo fontes oficiais do Centro Hospitalar Lisboa Norte, alerta que continua a receber muitos pacientes de outras áreas da região de Lisboa, congestionando os serviços, este, foi o legado deixado por Marta Temido.

Na tarde de 23/11/2022, na casa maior da democracia, o PS chumbou a reposição de 6% do IVA para a Tauromaquia. Na senda da antiga ministra da cultura, continua a perseguição Socialista, contra a Tauromaquia, através da sua discriminação fiscal negativa. Foram chumbadas as propostas de alteração, sendo ainda mais escandalosa a perseguição, uma vez que o PS com maioria, encontra-se livre para corrigir esta injustiça. Votaram a favor o PSD, CHEGA e PCP, contra o PS, Pan e Livre, com a abstenção da Iniciativa Liberal.

Nas próximas eleições no distrito de Setúbal, o 4º maior círculo eleitoral do país, na hora de votar, não se esqueça dos partidos que continuam a perseguir o mundo rural, a tauromaquia, e as nossas mais antigas tradições, modo de vida e cultura como um povo.

No dia em que escrevo este artigo (25/11/2022), faz 47 anos, que Portugal evitou ser empurrado para uma ditadura Comunista, foi uma clara derrota da extrema-esquerda.

O golpe de 25 de novembro de 1975, foi uma tentativa de golpe militar conduzido por uma fação das forças armadas, cujo fracasso resultou no fim do Processo Revolucionário em Curso, permitindo que se instaurasse em Portugal uma democracia pluralista, política e constitucionalmente baseada num regime semi-presidencialista, e economicamente baseada numa economia de mercado.

Também no dia de hoje, infelizmente, ficamos a saber que a Roménia, o país mais pobre dos 27 Estados que compõem a Comunidade Europeia, também irá ultrapassar a economia Portuguesa em 2024.

Nos últimos 27 anos, tivemos 21 anos de governos do PS, mas isso, nada tem a ver com o facto de termos sido ultrapassados por quase todos os países do Leste Europeu, que entraram na Comunidade Europeia em 2004


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *