DestaqueJustiçaPaís

Duarte Lima fica com termo de identidade e residência e apresentações periódicas

Depois de ter sido presente esta manhã a um juiz do Tribunal de Sintra para conhecer as medidas de coação no âmbito do homicídio de Rosalina Ribeiro, Duarte Lima viu-lhe ser aplicada a medida mais ‘suave’ de Termo de Identidade e Residência.

O tribunal de Sintra decretou ainda a Duarte Lima a obrigatoriedade de apresentações periódicas.

O arguido foi libertado esta quinta-feira após cumprir seis anos de prisão por burla e branqueamento no âmbito do caso BPN e, menos de um minuto depois de sair da prisão, foi detido pela PSP e levado num carro-patrulha para o Tribunal de Sintra.

Duarte Lima fica assim em liberdade, embora tenha de se apresentar periodicamente a uma autoridade.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *