Parceiros
CrimeDestaque

Dona de lar alegadamente não alimentou duas idosas que acabaram por morrer

- publicidade -

Ana Paula Alves, a proprietária de um lar ilegal de Riachos, Torres Novas, está a ser julgada por crimes de maus-tratos, depois de duas idosas terem sido encontradas mortas.

A juíza presidente do Tribunal de Santarém disse que a dona do lar “não forneceu ao longo do tempo uma alimentação completa, equilibrada, variada, em quantidade suficiente e suscetível de cuidar do bem-estar físico” das duas idosas.

A situação levou a uma alteração não substancial dos factos em julgamento de quatro crimes de maus-tratos, dois agravados pelo resultado morte e um crime de profanação de cadáver.

O julgamento prossegue a 11 de março, a pedido da defesa do advogado Manuel Fona Vieira que garante que “a arguida alimentava as idosas”.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário