Parceiros
AtualidadeCovid-19

DGS recomenda vacinação das crianças dos 5 aos 11 anos

A Direção-Geral da Saúde (DGS) recomenda a vacinação das crianças entre os 5 e os 11 anos, com prioridade para as crianças com doenças consideradas de risco para COVID-19 grave, conforme uma nota de imprensa lançada há momentos.

A vacina a utilizar será a Comirnaty®, que tem parecer positivo da Agência Europeia de Medicamentos (EMA) para a formulação pediátrica, à data.

Esta recomendação surge na sequência da posição da Comissão Técnica de Vacinação contra a COVID-19 (CTVC), que considerou, com base nos dados disponíveis, que a avaliação risco-benefício, numa perspetiva individual e de saúde pública, é favorável à vacinação das crianças desta faixa etária.

Nesta nota de imprensa, a DGS aponta que  «o número  de  novos  casos  de  COVID-19  em  crianças  tem  vindo  a  aumentar.  A doença  nestas  faixas  etárias  é  geralmente  ligeira,  mas  existem  formas  graves  de COVID-19 em crianças. O risco de hospitalização é maior em crianças com doenças de risco, contudo, muitos dos internamentos ocorrem em crianças sem doenças de risco» e acrescenta que «para esta posição foram considerados os contributos  de um grupo de especialistas em Pediatria e Saúde Infantil, bem como de membros consultivos da CTVC.»

A CTVC e a DGS acrescentam que se deve manter o acompanhamento da situação epidemiológica, da evidência científica e de recomendações dos Estados membros.



Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.