AtualidadeCrimeLisboa

Detido por burla informática com venda de produtos de emagrecimento

A Polícia Judiciária, através da Unidade Nacional de Combate ao Cibercrime e à Criminalidade Tecnológica, em cooperação com o DIAP de Loures/4.ª Secção deteve hoje um indivíduo com 38 anos de idade, presumível autor de vários crimes de burla informática, falsidade informática e acesso ilegítimo.

A investigação iniciou-se em meados de agosto de 2021 tendo por base vários casos de fraude com recurso a dados de cartões bancários, utilizados para creditar várias contas da plataforma ‘Revolut’, movimentos que apresentavam um total aproximado de 15.000 euros.


As diligências encetadas culminaram na identificação do suspeito, autor das várias ações criminosas, tendo, posteriormente, sido confirmado que o mesmo geria uma página na Internet para venda de produtos (emagrecimento e afins), utilizando esse meio para de obter dados de cartões de terceiros.

Na sequência da detenção cumpriram-se buscas domiciliárias e procedeu-se à apreensão de vários objetos relacionados com a prática criminosa, assim como cerca de 25 registos de dados de cartões de artigos obtidos da forma acima referida.

O detido irá ser presente a primeiro interrogatório judicial, para aplicação da medida de coação considerada adequada.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.