AtualidadeInsólitoViana do Castelo

Denúncias de racismo banem vídeo promocional da Romaria D’Agonia de Viana

Um video da Escola de Dança Arte em Movimento, que promovia a Romaria d'Agonia foi retirado das redes sociais por acusações de racismo

- publicidade -

Um vídeo que promove a Romaria d’Agonia, das Festas da Senhora da Agonia, em Viana do Castelo, foi banido das redes sociais do Facebook e Instagram por denuncias de racismo.

O vídeo promocional foi lançado pela escola de dança ‘Arte em Movimento’ e é acompanhado pelo tema ‘Stand Up’, gravado pela cantora negra Cynthia Erivo para o filme Harriet (2019), que a mesma protagonizava e que versa o tema do abolicionismo da escravatura e da activista norte-americana Harriet Tubman.

Para alguns visitantes que visionaram o vídeo, o uso da canção é uma usurpação dos direitos de luta dos negros contra a escravatura, quer pela letra da canção, quer pelo filme para o qual foi escrita.

Embora não sendo o vídeo oficial do evento, estava a ser um sucesso na internet, e a sua retirada das redes sociais motivou um comunicado do grupo ‘Arte em Movimento’, que afirma «recebemos a infeliz notícia de que o vídeo Stand Up foi removido dadas as denúncias de racismo contra o mesmo, totalmente incompreendidas da nossa parte.»

O grupo deixa ainda um apelo: «se o objectivo do vídeo foi única e exclusivamente transmitir uma mensagem de FORÇA ao povo português, agora, mais do que nunca pedimos a todos os portugueses que nos ajudem a mostrar a nossa real força» e garante que vai publicar novamente no perfil de Susana Domingues, diretora da escola de dança «porque no nosso já não nos permitem».

Na página do grupo multiplicam-se os comentários dos que parabenizam o trabalho da escola de dança e afirmam não compreender os motivos que levaram às denúncias e à retirada do vídeo das duas plataformas.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo