Economia

DECO é contra o atual preço das botijas de gás

"O gás engarrafado continua a ser vendido por valores muito acima do que seria suposto", diz a DECO.

publicidade

“Apesar da descida do preço de petróleo que se verificou desde final de 2019, o gás engarrafado continua a ser vendido por valores muito acima do que seria suposto”, afirmou a Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (DECO).

A DECO acrescenta que “em junho, recolhemos 2200 preços de gás engarrafado em 250 pontos de venda. O preço médio de uma garrafa de butano de 13 Kg é de 25,09 euros”.

Na nota divulgada, a DECO sublinha que assim só “ganham os operadores, que têm visto as suas margens aumentar, e perdem os consumidores dos 2,6 milhões de lares prisioneiros desta fonte de energia”, pode ler-se.

Em comparações, “um consumidor de Setúbal gasta mais 22 euros por ano nesta energia do que outro que viva em Bragança. Não encontramos razões de logística ou outras que justifiquem estas diferenças entre o norte e o sul do País”.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui