MundoSaúdeSesimbra

Cuide do coração, cuide de si

O concelho de Sesimbra associou-se às comemorações do Dia Mundial do Coração com um vasto conjunto de atividades viradas para os grupos de risco. Este dia pretende alertar as pessoas para o risco das doenças cardíacas. Para investigadores da Faculdade de Medicina do Porto, o género das pessoas pode influenciar a possibilidade de se ter problemas no coração. A maioria das pessoas quando sente algum mal-estar cardíaco prefere ir diretamente ao hospital em vez de chamar o INEM.

O tratamento precoce das arritmias é fundamental para prevenir este tipo de doenças cardíacas. O diagnóstico passa muito pelo trabalho feito pelos médicos de família. No concelho de Sesimbra, para onde está previsto a construção de um novo centro de saúde na vila, os cuidados médicos acompanham a média nacional. Consultas adiadas, pedidos de receituário feitos online (o que é bastante complicado para parte da população) e consultas de emergência para as quais é preciso marcar com várias horas de antecedência são alguns dos problemas de saúde que afetam os sesimbrenses.  

No Largo da Marinha existiram avaliações a obesidade, hipertensão arterial ou consultas de nutrição para aqueles que querem mudar os seus hábitos alimentares. Isto porque perder de 5 a 10% do peso atual pode fazer com que se ganhe anos de vida, segundo o médico João Jácome de Castro. Para além dos rastreios de saúde, feitos em parceria com o Centro Hospitalar de Setúbal, também existiram várias atividades físicas. Estas puseram os sesimbrenses a “mexer”.

Os sesimbrenses, devido a sua proximidade com o mar, têm uma dieta baseada no pescado e sempre que podem estão ao ar livre, tanto a passearem no areal como apanhando um pouco de sol.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *