Economia

CTT pede compensação ao Estado pelas quebras de 16,7 milhões causados pela pandemia

- publicidade -

Os CTT arrancaram com os “procedimentos formais” para solicitar uma compensação ao Estado pelos “impactos da pandemia” nas receitas.

O ressarcimento poderá viabilizar um pagamento total em dinheiro, ou parte dele através de um aumento dos preços do correio, avança o ECO.

Os CTT querem também rever o contrato de concessão do serviço postal universal, nomeadamente das “condições financeiras”, uma vez que foi prorrogado apenas pelo Governo até ao final do ano.

João Bento, presidente executivo dos CTT, disse durante uma conferência telefónica com os analistas que tiveram quebras de 43% nos lucros de 2020, ou seja, 16,7 milhões de euros.

Caso o resultado do pedido seja negado, o “mais provável” é que estas exigências levem a um “processo de arbitragem”.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui