Famosos

Cristina Ferreira acusada de querer destruir o canal: “Está mais entretida em mandar a TVI com os porcos”

- publicidade -

Mário Gonçalves publicou no instagram uma mensagem sobre Cristina Ferreira e a polémica licença de utilização que ainda não foi emitida pela Câmara Municipal de Mafra, desde há três anos, a respeito da habituação da apresentadora em Casal de Vale de Bois, Milharado, Malveira.

A Câmara de Mafra disse ao JN que “em 2018 não havia atrasos”. “Por norma, as licenças eram passadas um mês, mês e meio após serem pedidas, desde que não houvesse nenhum impedimento”, mas que “a situação de pandemia trouxe alguns momentos de atraso”.

Então Mário Gonçalves veio a público falar sobre o assunto: “Então vamos lá comentar mais uma “notícia” que não vai agradar às “Cristinetes Ofendidas”, mas o que tem de ser tem muita força. Tomem já um calmante com chá antes de começarem a ler o resto do artigo“, começa.

Apelidando a apresentadora de “A “dona” disto tudo está a habitar numa casa de luxo na Malveira sem licença de habitação. Sim, o terreno onde Cristina Ferreira tem a sua casa de luxo está registado como “terreno de construção” e não como “moradia de luxo”, moradia essa onde a “dona” disto tudo habita desde 2018.

E antevendo as críticas “Já vieram os “defensores” e “representantes” da Cristininha da Malveira defender a mesma, pois, segundo os mesmos, a licença foi pedida ao Município de Mafra em 2018, o que na verdade, uma licença que demora em média “um mês” a tirar, neste caso já vai fazer três anos e nada de licença.

“Agora eu pergunto, mas alguém acredita mesmo nestas tangas? Então mas uma licença é assim tão difícil de tirar ou será porque a dita moradia de luxo onde a “dona” disto tudo habita iria tornar-se muito mais cara? Ou até mesmo porque não reúne as condições necessárias para ali se ter feito uma moradia de luxo?

E lança suspeitas: “Assim, registada como “terreno de construção”, dá mais jeito, não se gasta tanto ao final do ano. Mas tenham calma, a “dona” disto tudo não se pronuncia, não diz nada, não quer saber, alguém há de resolver o problema, ela está mais entretida em mandar a TVI com os porcos com as fracas audiências que tem tido desde que tomou posse daquilo.

A continuar assim, nem sei se a moradia de luxo se safa mesmo registada como “terreno de construção”, mas isso são contas de outro rosário. A verdade é esta, se fosse eu ou algum de vocês que está a ler este artigo, já tínhamos o Município, as Finanças, as autoridades e pardais ao ninho, de roda de nós. Já tínhamos uma multa mais cara do que o valor da casa e tínhamos de a entregar ao banco.

Concluindo: “Mas não, é a Cristina Ferreira, a “dona” disto tudo, a tal que é defendida por Cristinetes com unhas e dentes, a tal que lhe basta pegar no telefone e fazer um “choradinho” ao “Ti” Marcelo e o “Ti” Marcelo resolve o problema. A tal que deve ter os contactos certos dentro do Município de Mafra para que estes atrasassem a licença e assim poupar mais uns trocos.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo