Almada

Cirurgiões do Garcia de Orta vão operar 500 doentes em entidades privadas

O Hospital Garcia de Orta informou hoje que os cirurgiões de oito especialidades vão operar 500 doentes em hospitais privados.

- publicidade -

O Hospital Garcia de Orta informou hoje que os cirurgiões de oito especialidades vão operar 500 doentes em hospitais privados, no âmbito de dois novos protocolos. Este é um investimento superior a meio milhão de euros.

Os protocolos foram estabelecidos com o Hospital SAMS e Clínica São João de Deus e estimam a realização de 500 cirurgias, nas áreas de Cirurgia Geral, Ortopedia, Senologia, Ginecologia, Cirurgia Pediátrica, Urologia, Otorrinolaringologia e Cirurgia Maxilo-facial.

“Os protocolos do HGO com unidades do setor privado têm permitido, a curto prazo, não descurar o acesso cirúrgico dos doentes ‘não-covid’ de ambulatório e enquadram-se numa estratégia de melhoria do acesso que tem vindo a ser prosseguida desde 2019, na área cirúrgica”, disse Ana Sofia Ferreira, vogal financeira do Conselho de Administração do Hospital Garcia de Orta.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui