coronavírusDestaque
Em Destaque

Conselho de Saúde Pública decide esta semana o recolhimento obrigatório em Portugal

A ministra da Saúde vai reunir com os conselheiros de Saúde Pública para discutir quais a medidas a adotar para contenção da pandemia. Em cima da mesa vai estar o recolhimento obrigatório

publicidade

Marta Temido, ministra da Saúde, já pediu uma nova reunião com o Conselho de Saúde Pública para discutir mais medidas para conter o surto pandémico que o País está a passar.

A reunião vai aprofundar a agenda e a análise das medidas que podem ser tomadas em breve, nomeadamente um recolhimento obrigatório em todo o território.

Segundo fonte ligada ao ministério, adiantou ao Diário do Distrito que para além do tema de recolhimento obrigatório, vão ainda ser discutidas possíveis cercas sanitárias, medidas que podem ser adotadas já a partir da próxima semana.

Temido terá assumido que “o País vive um momento muito difícil da evolução da pandemia”, e por isso haverá medidas que serão precisas colocar em prática para que essa evolução não avance drasticamente.

A ministra também frisou que momentos mais complicados podem levar a uma elevada pressão no SNS. O que se sabe para já é que os hospitais nacionais estão a começar a “quebrar” com falta de médicos, enfermeiros e até de camas.

O Diário do Distrito apurou junto de um especialista em Saúde Pública que a solução poderá passar por acordos com os privados para que possam auxiliar nesta “guerra” que estamos a passar.

Na próxima semana a decisão de novas medidas poderá ser anunciada e o País poderá ter cercas sanitárias e recolhimento obrigatório.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui