Rubrica

Como aprender a viver com a ansiedade?

- publicidade -

A ansiedade constitui uma das perturbações com maior prevalência e também será uma das mais incompreendidas e com maior impacto na qualidade de vida das pessoas.

Viver com ansiedade será viver em um permanente estado de alerta, oscilando entre o tempo passado e a angústia do futuro, no que poderá constituir uma incapacidade de bem viver o tempo presente: o hoje.

A ansiedade rouba a paz e a qualidade das relações. Gera mecanismos de controlo, potencia medos e isolamento.

Aprender a viver com ansiedade, implica:

– Aceitar a incerteza da vida;

– Aceitar que os imprevistos acontecem e que, muitas vezes, as mudanças de direção se revelam excelentes oportunidades de crescimento;

– Manter um estilo de vida saudável, da alimentação à prática de exercício físico. Cuidar do corpo e da alma;

– Aprender a reconhecer os sinais de uma possível crise, evitando uma escalada nos sintomas e o surgimento do pânico;

– Conhecer um conjunto de estratégias de relaxamento e de autocontrolo, que melhoram a autoconfiança;

– Rodear-se de pessoas que aceitam a sua problemática e não a desvalorizam;

– Fazer psicoterapia.

A ansiedade acarreta um elevado sofrimento psicológico, tal como a depressão. Por serem doenças silenciosas, continuam a ser desvalorizadas e alvo de comentários depreciativos. Não deixe que os mesmos a impeçam de pedir ajuda.

Escolha a sua saúde mental! É possível viver com ansiedade e manter uma qualidade de vida interior e relacional.

Não deixe que o problema a defina e parta na procura de soluções!


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *