Opinião

Coavida e a Falta de Vergonha?

- publicidade -

Diz-nos a experiência que quando se trata de identificar referencias, tudo é relativamente simples nos primórdios da vida: os pais mandam em casa, os polícias na rua, os médicos na saúde e por ai fora… as normas e os procedimentos são claros e quem não os cumpre sujeita-se naturalmente a uma série inexorável de penalizações que abanam o bom vislumbre da sobrevida. Nessa época, a vivência da dor, da náusea ou do abandono geram um receio, que são aplacados pelo sentimento de pertença ou pelo conforto de um vínculo. Assim se manipulam os inocentes e os ternos patos do Konrad Lorenz (1903-1989) referidos a propósito do “imprinting”.

Mas “Coavida”, as coisas vão mudando, complexifica-se a compreensão do Mundo e gradualmente aprendemos a desenvolver sensores, raciocínios e outros instrumentos de orientação que nos permitem detetar e consciencializar a natureza das sacanices e da pouca-vergonha com que alguns espertotes aplicam os seus golpes, com dos truques bem ou mal enjorcados. A pouco e pouco e com o tempo, torna-se mais fácil antecipar o que querem estes oportunistas que exalam uma vontade nauseabunda, que não conseguem disfarçar ou que provavelmente nem sentem, por erro de configuração. É um dos problemas da anosmia!

De tal modo assim o é, que passada a idade da inocência, os mais velhos já calejados pela convivência com as ditas dores e náuseas, acabam por adquirir uma “imunidade de grupo” que os dessensibiliza para o rol de ameaças e disfemias disparatadas, com que habitualmente se manipulam os incautos. CoaVida, fica mais visível aquela arrogância, esperteza saloia ou a mania dissimulada de mandar nos outros. A ladroagem ganha destaque, torna-se mais óbvia, mais chocante, mais vergonhosa e ainda mais desprezível.

Se quem não se sente, não é filho de boa gente, então porque é que deixam que se generalize esta aldrabice ordinária, cujo propósito tão nefasto, passa por ludibriar os mais respeitáveis? Será por perda de vigor, por cobardia ou por comodismo? Será apenas pela já habitual negligência da psiquiatria? Talvez não, talvez seja simplesmente uma pandemia que banaliza a falta de vergonha de uns e outros.

Talvez seja por isso que os Hospitais e nos Centros de Saúde, estão a barrar o acesso às consultas externas! Quando estará pronta esta vacina?

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui