Parceiros
CrimeLisboa

Cinco jovens detidos por suspeita de roubos em Lisboa

Cinco jovens com idades entre os 17 e os 20 anos forma detidos pela PSP no dia 3 de agosto pela suspeita da prática de roubos na zona do São João do Estoril.

O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, através da Divisão Policial de Cascais, no dia 3 de agosto, pelas 07h00, em Cascais, São Domingos de Rana e Alcabideche, na sequência da operação policial com o nome de “Fim De Linha”, no âmbito duma investigação relacionada com a prática de roubos, deu cumprimento a quatro mandados de busca e apreensão domiciliários, tendo logrado intercetar e deter cinco jovens, quatro do sexo masculina e um do sexo feminino, com idades compreendidas entre os 17 e os 20 anos, todos por serem suspeitos em coautoria da prática de três crimes de roubo agravado e dois crimes de utilização de cartão de débito, na zona de S. João do Estoril.


No âmbito das buscas domiciliárias realizadas, que contaram com o apoio da Guarda Nacional Republicana (GNR) na respetiva área de jurisdição, foram apreendidas várias peças de vestuário e calçado, utilizando enquanto os crimes eram praticados, um tablet, uma máquina fotográfica digital, um telemóvel, três munições de armas de fogo de diversos calibres, 17 doses individuais de haxixe e uma de ecstasy.

Os suspeitos agora detidos estão fortemente indiciados da prática em coautoria de três crimes de roubo com recurso à ameaça com arma branca, agressões e coação física, sendo as vítimas jovens, a quem lhes foi subtraído os respetivos telemóveis, dinheiro, cartões multibanco, entre outros pertences, avaliados em cerca de 1.600 euros, sendo ainda de salientar que os meliantes fazendo uso do cartão de débito subtraído às vítimas, através de pagamento mediante o sistema contactless, chegaram a fazer a aquisição de vários bens para consumo próprio.

A PSP receia que possam ter sido praticados outros roubos pelos suspeitos agora detidos, os quais não tenham sido denunciados, pelo que apelamos às supostas vítimas ou quem as represente, que formalizem as respetivas denúncias, para que possamos continuar a agir com a eficiência e eficácia que os cidadãos esperam da sua Polícia.

Após cumpridos os formalismos legais, os detidos foram presentes no Tribunal de Lisboa Oeste em Cascais, com o objetivo de serem sujeitos ao primeiro interrogatório judicial, tendo sido aplicada a dois deles a medida de coação de prisão preventiva e aos restantes apresentações periódicas.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.