DestaquePalmelaSetúbal

Centro Jovem Tabor de Setúbal obrigado a receber jovens que mataram Lucas Miranda

O Centro Jovem Tabor de Setúbal vai ter de receber os jovens que atiraram Lucas Miranda para um poço em Palmela.

- publicidade -

O Centro Jovem Tabor de Setúbal vai ter de receber os jovens que atiraram Lucas Miranda para um poço em Palmela.

Não compreendemos esta decisão do tribunal. E já decidimos enviar os outros 16 jovens para suas casas – já estamos a fazer contactos nesse sentido -, porque receamos pela segurança desses jovens e dos colaboradores do Centro Jovem Tabor”, disse Carlos de Sousa, presidente da Direção do Centro Jovem Tabor.

Recorde-se que os dois jovens vão aguardar julgamento com a medida de coação de apresentações diárias.

“Após a decisão do Tribunal de Setúbal conhecida na sexta-feira à noite, foram feitas algumas tentativas, em conjunto com a Segurança Social, para que os dois suspeitos, de 16 e 17 anos, fossem acolhidos noutras instituições, mas sem êxito”, disse Carlos de Sousa.

O presidente desta IPSS reforça que “não podemos, nem queremos, colocar em causa a saúde e a segurança dos outros jovens, de que somos tutores, e que, por isso, estão sob a nossa responsabilidade”.

Revelou ainda que “um dos dois suspeitos também já tinha ameaçado esfaquear a diretora técnica desta instituição”.

Esclareceu que na prática, “pelo menos temporariamente, vamos ficar apenas com um dos suspeitos de um crime de homicídio, porque o outro decidiu ir para sua casa logo que foi conhecida a decisão do tribunal”.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui