Parceiros
AlmadaDistritoPolíticaSetúbal

CDS-PP ofereceu flores aos almadenses em troca de sugestões

- publicidade -

A Concelhia de Almada do CDS-PP visitou o centro da cidade de Almada este sábado para trocar flores por sugestões que possam melhorar o concelho.

No comunicado enviado às redações, a presidente da Concelhia de Almada, Sara Machado Gomes, refere que «é a dialogar e a ouvir as pessoas que os políticos devem centrar a sua acção política, pois é em nome dos cidadãos que os políticos devem tomar decisões, logo, é necessário ouvir os mesmos olhos nos olhos.

Hoje não viemos apresentar nada, não viemos deixar propostas, não viemos pedir votos. Viemos sim, ouvir as pessoas, as suas sugestões, simplesmente, com um gesto de carinho e de simplicidade, oferecendo uma flor a cada pessoa que deixasse uma sugestão para o concelho de Almada, demonstrando bem, o que é fazer política pela positiva.»

A líder do CDS-PP Almada entende que este tipo de acção é para repetir ao longo do mandato tal como as reuniões e visitas com as instituições do concelho, angariando informação para posterior triagem e apreciação, para que possa seguidamente chegar a quem toma decisões.

«É desta forma que o CDS-PP quer estar na política em Almada, de forma positiva, pois as pessoas querem é que lhes resolvam os problemas independentemente de quem esteja no poder».

Esta acção contou também com a colaboração da Juventude Popular de Almada – JP, estando presente o seu presidente, José Coutinho.

CDS-PP Almada reuniu com a Delegação de Almada da Ordem dos Advogados

Dando continuidade ao Ouvir Almada (visitas e reuniões no terreno), a concelhia do CDS-PP reuniu esta sexta-feira, nas instalações da Ordem dos Advogados – Delegação de Almada, onde ficou a conhecer o trabalho que a Ordem tem realizado no concelho de Almada.

As questões relativas ao número de processos judiciários no concelho, o apoio que a Ordem presta gratuitamente aos cidadãos com parcos recursos num primeiro encaminhamento, tal como as questões da violência doméstica no concelho e a necessidade de se reajustar os serviços judiciários no que diz respeito à reorganização das Comarcas, foram entre outros, assuntos abordados entre a estrutura local do CDS-PP e a Ordem dos Advogados de Almada.

Foi ainda abordado o tema das acessibilidades ao edifício onde está sediada a delegação de Almada, a necessitar de uma resolução, visto não ser acessível a todos os cidadãos nomeadamente aqueles que têm mobilidade condicionada ou reduzida, tal como as questões relacionadas com os Julgados de Paz, onde a respectiva delegação não tem uma posição oficialmente tomada, o que não deixa de adiantar que muitos dos problemas dos processos judiciários desanuviariam com o aumento dos recursos humanos e mesmo outros meios em falta ao serviço da Justiça.

O estacionamento e os acessos ao Tribunal de Almada foram também temas abordados na mesma reunião.


SONDAGEM: Qual o seu sentido de voto nas próximas eleições legislativas a realizar no dia 30 de janeiro.
Carregue neste link para votar e partilhe
https://t.me/diariodistrito/1253

Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva no canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que fazemos no seu distrito

- publicidade -

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *