CDS-PP Almada cria Grupo de Trabalho dedicado ao rio e mar

A Comissão Concelhia do CDS-PP Almada vai criar um Grupo de Trabalho para estudar e tratar questões do rio e do mar.

0
105
DR
Tempo de Leitura: 2 minutos

A Concelhia de Almada do CDS-PP vai dar inicio a um conjunto de reuniões e visitas através de um Grupo de Trabalho concelhio constituído para o efeito e dedicado ao mar e ao rio, com a finalidade de recolher o maior número de informação para, no final, elaborar um relatório exaustivo que tenha o contributo de entidades e instituições ligadas directa e indirectamente ao mar e ao rio, informa em comunicado.

«É entendimento da concelhia de Almada do CDS-PP, em concreto o Pelouro que trata das questões do mar e pescas a cargo de Luís Filipe Duarte, que o nosso mar – Oceano Atlântico – e o nosso rio – Rio Tejo -, têm como recurso natural uma importância estratégica a vários níveis que deve ser não só preservado em primeiro lugar, como ao mesmo tempo aproveitar e potenciar o seu valor retirando do mesmo a maior vantagem possível, isto, salvaguardando, em simultâneo, o seu estado natural protegendo o seu habitat e a sua fauna.

Serão assim, realizadas ao longo de pouco mais de um ano, um conjunto de visitas e reuniões com as demais entidades quer no concelho de Almada quer na zona de Lisboa, com instituições que possam contribuir para a melhor compreensão e enriquecimento relacionado com os assuntos do rio e do mar.

O Concelho de Almada é banhado practicamente pelo recurso natural água, quer através do Rio Tejo, quer através do Oceano Atlântico, o que lhe dá a mais-valia para a criação de boas oportunidades e para expandir o seu investimento e desenvolvimento local.

A fonte de riqueza marítima e fluvial comporta um enorme potencial e verdadeiras oportunidades por explorar ou mesmo por (re)explorar, nesta espécie de “L” geográfico contíguo que vai desde o Laranjeiro até à Fonte da Telha, onde as praias e o oceano, fonte diária para os pescadores são, de momento, o grande ex-libris do concelho.

Ainda assim, há possibilidade de retirar muito mais destes dois recursos, devendo ser criadas e executadas políticas locais em complementaridade com políticas nacionais de desenvolvimento da orla costeira que tragam o tão desejado desenvolvimento e aumento de riqueza para o concelho de Almada.

A Presidente da Concelhia de Almada do CDS-PP, Sara Machado Gomes, acredita que esta iniciativa recolherá informação bastante valiosa que será à posteriori detalhadamente analisada e apresentada através de um relatório final que será divulgado e que auxiliará a divulgação de um leque de propostas e de medidas que o partido fará chegar às entidades competentes para que possam ser sensibilizadas a criadas políticas de aproveitamento e de aposta no recurso natural de excelência e fonte de riqueza como são o rio e o mar.»

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome