AtualidadeSantarém

Caso Tancos | Condenados e absolvidos no Tribunal de Santarém

Foi esta manhã lido o acórdão do ‘Caso Tancos’, que terminou com 11 condenados e a absolvição do ex-ministro da Defesa, Azeredo Lopes, mas apenas dois dos arguidos ficaram com prisão efectiva.

O cabecilha do furto das armas dos paióis, João Paulino, foi condenado a 8 anos de prisão, (6 anos pelo crime de terrorismo e 5 anos e 6 meses pelo crime de tráfico de estupefaciente), e João Pais, que pertencia ao grupo de assaltantes, foi condenado a 6 anos de prisão por terrorismo, e foram os únicos a quem será aplicada a pena de prisão efetiva.


O ex-fuzileiro foi apanhado com 14 kg de droga, com um valor superior a 90 mil euros, e ainda com cartuchos e munições proibidas, se bem que tenha devolvido este material já depois de iniciado o julgamento.

O ex-ministro da Defesa Azeredo Lopes foi absolvido de todos os 4 crimes (denegação de justiça, prevaricação, abuso de poder e favorecimento pessoal) de que estava acusado no caso do assalto aos paióis de Tancos.

De acordo com a CNN Portugal, o Tribunal de Santarém não deu também como provado o crime de associação criminosa e de tráfico de armas, absolvendo todos os 23 arguidos destes dois crimes.

Esta sexta-feira, o juiz deu ainda como provado o crime de tráfico de estupefacientes por parte dos arguidos Hugo Santos e o de consumo de droga por parte de Jaime Oliveira.

O major Vasco Brazão, o major Pinto da Costa, o sargento Lima Santos e o sargento Laje de Carvalho foram condenados pelo crime de favorecimento pessoal.

Vasco Brazão, na altura porta-voz da Polícia Judiciária Militar, foi condenado a 5 anos com pena suspensa, enquanto Luís Vieira, na altura o diretor desta polícia, foi condenado a 4 anos com pena suspensa, e o major Pinto da Costa foi condenado a 5 anos com pena suspensa. assim como Lima Santos, da GNR de Loulé.

Igualmente elementos da Polícia Judiciária Militar, Bruno Ataíde e Laje de Carvalho foram condenados a 3 anos de pena suspensa.

O julgamento começou a 2 de Novembro de 2020, e a leitura da sentença nesta sexta-feira marca o fim de um processo longo e com vários episódios desde o desaparecimento de armas do paiol de Tancos, até ao aparecimento das mesmas.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.