DestaquePalmela

Casamento ilegal com 146 pessoas em Águas de Moura interrompido pela GNR

- publicidade -

Decorreu ontem uma festa ilegal de casamento em Águas de Moura (Palmela), que foi interrompida pela GNR. Neste evento estavam 146 pessoas: 90 adultos e 56 crianças, informou aquela autoridade.

Os responsáveis pela realização do casamento foram identificados e autuados por crime de violação ao dever de recolhimento obrigatório, tal como todos os restantes adultos presentes.

“No seguimento de uma denúncia que estaria a decorrer uma festa ilegal numa propriedade, os militares da Guarda deslocaram-se ao local onde constataram que se tratava de um casamento”, pode ler-se na nota da GNR.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui