Famosos

Carrilho ataca Bárbara na TVI: “Tive que proteger a Carlota em situações realmente perigosas”

- publicidade -

Manuel Maria Carrilho esteve ontem no programa de Manuel Luís Goucha na TVI, e voltou a atacar Bárbara Guimarães. 

O ex ministro reafirmou a sua inocência no processo de violência doméstica instaurado por Bárbara Guimarães e do qual foi absolvido: “Nunca fui violento. O meu advogado perguntou três vezes em tribunal ao pai, à mãe, à empregada se eu alguma vez fui violento e disseram que não. Segunda questão era se eu alguma vez insultei a minha ex-mulher, disseram que não e à terceira pergunta foi ‘Alguma vez ele falou alto’ e eles disseram que não”.

Relativamente aos filhos garante que tem o apoio dos mesmos e que são “os principais visados nisto sabem quem é que tinha razão e a única opinião que me interessa aqui é a do Diniz e da Carlota”.

E continuou com acusações: Estou de consciência tranquila, tenho os meus filhos comigo, que é onde se sentem protegidos. Não é por acaso, eu não vou aqui falar, mas tive que proteger a Carlota, que apela à minha proteção e à do irmão mais velho, em situações realmente perigosas, que eu não vou revelar aqui”.

Sobre o facto de ter acusado a apresentadora de alcoolismo e de tomar “50 comprimidos por dia”, Manuel Maria Carrilho afirmou: “A situação criada foi absolutamente lamentável. Eles continuarem a ver espetáculos desses é que é grave. E por aqui ficamos”.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui