Parceiros
Mundo

Canais televisivos russos banidos na União Europeia

- publicidade -

Todas as operadoras da União Europeia estão «proibidas de contribuir para a radiodifusão de quaisquer conteúdos» da Russia Today (RT, RT Documentary e RTR Planeta) e da agência Sputnik.

Os três canais russos estiveram disponíveis (e em transmissão) em Portugal até ao sexto dia de invasão russa, 1 de março.

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, já tinha anunciado que as transmissões dos canais estatais russos Sputnik e RT seriam interditas na União Europeia, por «estes meios integrarem parte da máquina de propaganda do Kremlin».

Segundo Ursula von der Leyen «os canais e as suas subsidiárias vão deixar de poder propagar as suas mentiras para justificar a guerra defendida por Putin».

O novo regulamento entrou em vigor na União Europeia no dia 2 de Março, como ferramenta para «travar a desinformação tóxica na Europa», e refere que «é proibido aos operadores difundir ou permitir, facilitar ou de outro modo contribuir para a radiodifusão (…) por quaisquer meios como cabo, satélite, IP-TV, fornecedores de serviços Internet, plataformas ou aplicações de partilha de vídeos na Internet, quer novos, quer pré-instalados».

As operadoras portuguesas NOS, Vodafone e MEO deixaram imediatamente de transmitir os canais RT e RT Documentary, ambos da média estatal russa, Russia Today.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário