Alcochete

Câmara Municipal de Alcochete contra intenção do PAN de restringir a tauromaquia

publicidade

Os membros do executivo da Câmara Municipal de Alcochete é “condenam a intenção do Governo de acolher a proposta do PAN – Partido das Pessoas, Animais e Natureza que visa proibir menores de idade de assistir ou participar em eventos tauromáquicos”.

Na reunião de 11 de novembro foram aprovadas duas moções, uma apresentada pelo presidente da câmara, a outra pelos vereadores da CDU, contra a intenção do PAN de restringir a tauromaquia, que “está classificada desde 2012 como Património Cultural Imaterial de Interesse Municipal do município de Alcochete”.

“Privar as crianças e jovens de assistir e participar em eventos tauromáquicos é programar ideologicamente e culturalmente as gerações vindouras com base em estereótipos urbanos e completamente desenraizados daquilo que é a nossa cultura”, refere a moção apresentada pelo presidente da câmara.

O autarca exige ainda “o direito de transmitir às novas gerações o conjunto de tradições e expressões orais, de artes de espetáculo, de práticas sociais, rituais e eventos festivos e de conhecimentos e práticas relacionadas com a natureza que se encontram, desde há séculos, presentes e vivos no nosso concelho”.

Os “vereadores da CDU apresentaram uma moção em que consideram a proposta do PAN “uma ameaça à diversidade cultural do nosso País assim como um atentado aos Direitos dos Menores”, e que a mesma “atenta contra a cultura e identidade do nosso concelho, assim como à liberdade dos nossos jovens, vedando-lhes a opção de exercerem uma escolha e serem ou não educados segundo a nossa identidade cultural”, indicam na moção.

Artigos Relacionados

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui