Câmara do Barreiro abre inquérito para apurar causas do despiste de autocarro

A autarquia do Barreiro vai abrir um inquérito ao acidente que ocorreu ontem na Estação Rodofluvial do Barreiro após um despiste de um autocarro dos TCB

0
386
Tempo de Leitura: 1 minuto

A Câmara Municipal do Barreiro vai abrir um inquérito para apurar as causas do despiste do autocarro dos Transportes Coletivos do Barreiro (TCB) no terminal de transportes, que causou um ferido grave e sete ligeiros.

«Ainda não sabemos dizer o que esteve na origem do acidente, mas vamos abrir um inquérito para perceber o que se passou. Trata-se de um autocarro com todas as condições e de um motorista com cerca de 30 anos de experiência», disse à agência Lusa o presidente da Câmara Municipal do Barreiro, Frederico Rosa (PS).

O autocarro dos TCB, um serviço municipalizado da autarquia barreirense, despistou-se no terminal cerca das 19h45, subiu o passeio e entrou na zona destinada à entrada e saída de passageiros do transporte fluvial, causando um ferido grave e sete ligeiros, entre eles uma criança.

O ferido grave é o motorista do autocarro dos TCB, que foi transportado para o hospital Garcia de Orta, em Almada, enquanto os outros sete feridos, todos ligeiros, foram encaminhados para o hospital do Barreiro.

O autarca, que esteve no local do acidente e se deslocou depois ao hospital do Barreiro para se inteirar da situação dos feridos, elogiou a intervenção rápida das duas corporações de bombeiros do concelho e da PSP.

Frederico Rosa referiu que a criança foi assistida no hospital do Barreiro, mas já teve alta.

Foram chamados ao local do acidente 24 operacionais e 11 viaturas dos Bombeiros Voluntários do Barreiro – Corpo de Salvação Publica, Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste, a VMER do hospital do Barreiro e a PSP.

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome