Parceiros
Mundo

Cadeia da Jerónimo Martins na Polónia com várias iniciativas de apoio aos ucranianos

- publicidade -

A Jerónimo Martins, grupo empresarial português proprietária da Biedronka, cadeia na Polónia, retirou 16 produtos de origem russa e bielorussa, desceu o preço de produtos de primeira necessidade, cerca de 50, em 43 lojas junto da fronteira com a Ucrânia, e mobilizou-se com várias doações e iniciativas de apoio à população ucraniana, noticia o Jornal Económico.

A nível de apoios, a cadeia da empresa portuguesa anunciou “um apoio financeiro não reembolsável de 1.000 zloty [cerca de 211 euros, à taxa de câmbio atual] aos seus quadros ucranianos, que apenas necessitam de submeter uma candidatura que foi preparada para ser muito simples” e o fundo da mesma lançou um programa “com um investimento de 10 milhões de zloty [2,1 milhões de euros] para apoiar os ucranianos que chegam à Polónia para fugir da guerra”.

Foram doados mais de cinco milhões de zloty [mais de um milhão de euros] por parte da Biedronka para a distruição de produtos básicos, desde alimentos a produtos de higiene pessoal e de limpeza.

Outros cinco milhões de zlotys foram doados para “apoiar refugiados, em cooperação com instituições de solidariedade que acompanham os ucranianos e conhecem as suas necessidades”. Serão dados vales de compras.

“A Biedronka vai simplificar o processo de empregabilidade para cidadãos ucranianos para as suas lojas e centros de distribuição” e “irá assegurar apoio psicológico para colaboradores ucranianos”, acrescenta a mesma fonte.

A Jerónimo Martins diz ter verificado uma “grande mobilização dos nossos clientes para apoiar os cidadãos ucranianos através da compra para a doação de brinquedos, produtos de higiene e comida”.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário