DistritoDistrito SetúbalOpiniãoSeixal

Burguesia comunista no Seixal

publicidade

No início de abril fomos surpreendidos com um ajuste direto inesperado: aquisição de serviços de programação e gestão de comunicação de canais WEB e Redes Sociais no valor de 24 108€ por 300 dias, um gasto verdadeiramente burguês.

Significa que o caro munícipe está a pagar várias páginas na internet, entre as quais duas páginas no Facebook (aquela empresa capitalista, estrangeira dos imperialistas norte-americanos), duas páginas no Instagram e duas páginas no Twitter, e em todas estas redes sociais é “presenteado” com uma conta pessoal do presidente do município do Seixal.

Consta algures que até já começou a haver censura a comentários!

As redes socais têm disto, lê o que quer e o que não quer, bem diferente do Boletim Municipal, onde só é despejada informação sem direito a contraditório.

Uma vez mais vemos a CDU a desluzir os dinheiros públicos, não ao serviço dos munícipes, mas ao serviço da já não maioria CDU no Seixal, e com utilização pessoal do presidente do município, com a particularidade de estarmos em pleno ano eleitoral.

Joaquim Santos desculpa-se com um concurso interno que está aberto para uma pessoa realizar esse trabalho, “mas até lá é preciso colmatar essa situação com esta contratação”.  Ena, mas então se está em aberto um concurso interno, qual é a pressa de começar já?! E já agora, ia jurar que a autarquia tem um departamento de comunicação, que poderia ocupar-se deste campo.

Como se isto não bastasse, insólito é o que consta no referido ajuste direto e que passo a citar: “o encargo da despesa resultante deste contrato está previsto nas Grandes Opções do Plano para 2019 da Câmara Municipal do Seixal, na rubrica com o código GOP 01 005 2018/5058 e é satisfeita pela seguinte dotação orçamental: classificação orgânica: 02; classificação económica 020225, que tem a necessária informação de compromisso no ano económico de 2019 com o número sequencial 44022/2019, prestado em 26 de fevereiro (…).”

É extraordinário fazerem referência às Grandes Opções Plano de 2019, que até foram chumbadas pela oposição em novembro do ano passado, por responsabilidade o presidente da Câmara que resiste a qualquer tipo de negociação, parece até que não está interessado num novo orçamento. Contudo, a questão que se coloca aqui é: qual o nível de legalidade disto?

E porque os munícipes têm de pagar por páginas de propaganda eleitoralista, pessoais e municipais, quando já paga pelo Boletim Municipal, pelos outdoors, pelos spots televisivos (com custos superiores a 9 000€), suplementos e publicidade em jornais locais e regionais, e a última novidade: publicidade nos multibancos.

Esta última novidade é referente à publicidade ao Pop da Revolução, que acabou por não correr bem; avisaram o adiamento das comemorações 40 minutos antes do concerto, com público vindo até do outro lado do rio, numa altura que nem chovia e as reclamações na página do município foram arrasadoras…

Mas os esbanjamentos à burguesa não ficam por aqui, e entre os mais variados exemplos que poderia dar, incluo os milhares de euros que os munícipes terão de pagar pelas mais variadas iniciativas das comemorações do 25 de Abril com muita pompa e circunstância, ainda que o caro munícipe nem tenha posto os pés em lado nenhum…

Tal e qual a compra das viaturas de luxo, não vai andar em nenhuma, não foi perdido nem achado na compra, mas ainda assim estão ao serviço dos burgueses do município. E nem adianta reclamar, esta já não maioria comunista não está interessada no orçamento participativo, portanto dispensa a sua opinião.

Posto isto, é natural que o executivo não esteja interessado em aceitar as propostas do CDS-PP, nomeadamente as que se referem ao investimento nas escolas, na salubridade, na fiscalidade (quanto à implementação do IMI familiar, bem como na devolução do IRS aos munícipes), etc.

As conclusões são simples: a prioridade da CDU passa pela propaganda em nome de uma campanha burguesa constante focada no eleitoralismo, muito longe dos interesses da população. Já agora se o caro munícipe quiser, ponha um “gosto” na página do Facebook do CDS-PP Seixal (https://www.facebook.com/cdspp.seixal/), com a garantia que é gerida de forma totalmente gratuita!

Artigos Relacionados

4 Comentários

  1. Hoje estive com o meu filho no espaço da biblioteca municipal onde ele depois de assistir ao concerto (gratuito) da Sônia Araújo ainda pode de forma também gratuita participar em uma atividade que estava a decorrer para crianças. Acho que consigo viver com câmaras “burguesas” como esta.
    CDS? Nao. Obrigado.

  2. Todos compreendemos a preocupação da autora do artigo: afinal os comunistas são tão burgueses como os centristas cristãos ou os sociais democratas. Grande novidade, só vocês é que ainda não perceberam que, para nós eleitores, vocês políticos são mesmo todos iguais. No entanto, apesar do artigo ser também um mea culpa para os malefícios dos hábitos burgueses (que todos partilhamos), não deixa de ter um fundo de interesse e relevância. A CMS está a ser gerida com os interesses do PCP em vista em prejuízo dos interesses e necessidades dos munícipes. Das únicas vezes que reclamei dos serviços da CMS , por usar glifosato num espaço público, nunca cheguei sequer a ter resposta dos serviços nem da reclamação que fiz ao PCP. VERGONHOSO. Já há muito que estes comunas perderam o meu voto, agora o que eu queria mesmo é que estes comunas e os outros que o dizem ser (Ricardo Araújo Pereira e outras figuras públicas) fossem obrigados a passar um ano da sua vida num estado comunista que até podia ser à sua escolha. E depois que nos viessem dizer se ainda acreditam mesma numa ideologia que não acredita na liberdade nem no respeito pelo indivíduo.

  3. É fácil esbanjar dinheiro quando sai dos bolsos do povo! A câmara do Seixal, trabalha muito mal no que respeita a licenciamentos, e na entrega de documentos que os munícipes precisem de solicitar, apesar de qualquer documento que seja solicitado tenha sempre um valor muito alto a pagar pelo requerente.
    Mas faz sentido que tenham valores tão altos, pois se assim não for o dinheiro em cofre nao chegava para as tais extravagâncias feita pela câmara municipal do Seixal.
    Nota,eu Ja cheguei a conclusão de que certos empregados na dita câmara faz greve de zelo do o ano.
    A ver pelo desenvolvido dos processos em mãos…

  4. CDS mais uma vez a vir por aí abaixo a ver se põe os pontos nos I. Passaram-se de vez! Observem mas é, por ex, o que se passou com o Pavilhão Atlântico/Genro de Cavaco, com o beneplácito da Ministra Cristas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui