Política

BE Seixal contra encerramento do cais fluvial da Transtejo

publicidade

Numa nota enviada à comunicação social, a Comissão Coordenadora Concelhia do Seixal do Bloco de Esquerda posiciona-se contra o encerramento temporário do cais fluvial da Transtejo no Seixal, intitulada «Suspensão não é solução».

Segundo a nota «a Transtejo informou no dia 21 de Outubro que, a partir de dia 26, 2ª feira, vai suspender as ligações fluviais entre o Seixal e Lisboa por um  prazo  de  45  dias  e  que,  como  alternativa, assegurará  ligações rodoviárias entre os terminais fluviais do Seixal e Cacilhas.

O Bloco de Esquerda repudia este comportamento da Transtejo de suspender as ligações fluviais e de avisar os utentes com cinco dias de antecedência, sem ter consultado as autarquias nem ter tido a preocupação de encontrar soluções alternativas que provocassem o menor transtorno possível aos utentes do serviço.

Não é a mesma coisa demorar 15 minutos a chegar a Lisboa ou passar a demorar mais de 1 hora de acordo com a ‘alternativa’ da Transtejo que oferece transporte em autocarro para o terminal de Cacilhas de 20 em 20 minutos, nos dias úteis. E não podemos menosprezar que, com a atual situação de agravamento da pandemia, o transporte em autocarro aumenta o risco para a saúde dos utentes.

O Bloco de Esquerda junta a sua voz a todos os autarcas e munícipes que exigem que a Transtejo suspenda  a  sua  decisão  e  mantenha  em  funcionamento  as  ligações  fluviais  e  com  tempo  se procure  encontrar  uma  solução  alternativa  que  provoque  o  menor  transtorno  possível  aos milhares de cidadãos e cidadãs que diariamente cruzam o Tejo.»

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui