Os trabalhadores da WashClean, lavandaria sedeada no Barreiro, vão realizar uma marcha solidária este sábado, para alertar a população sobre a situação que vivem desde 6 de Novembro.

A marcha terá início às 10h30, da zona do Fórum Barreiro e irá decorrer até ao largo Catarina Eufémia.

Desde o dia 6 de Novembro que os cerca de 50 trabalhadores da WashClean Laundries, situada no Parque Industrial da Baía Tejo, estão a dormir na empresa, para evitar que os equipamentos sejam retirados pelos proprietários, conforme o Diário do Distrito já havia noticiado.

Os trabalhadores já receberam no local a visita dos presidentes das Câmaras Municipais do Barreiro e da Moita, de eleitos de Juntas de Freguesia, do sindicalista Arménio Carlos e de outros elementos de Comissões Políticas locais.

Durante este período têm também recebido apoios de alimentos e outros bens de várias empresas do Barreiro e de particulares, bem como refeições prontas.

São também várias as ações que têm realizado, com protestos frente à Câmara Municipal do Barreiro, na Segurança Social de Setúbal e já foram recebidos na Assembleia da República por alguns grupos parlamentares, tendo os eleitos do BE colocado a situação e várias questões ao Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.

Estes 51 trabalhadores pretendem impedir a retirada de material, tendo em conta a ameaça de insolvência, que os deixaria sem garantias de receber os salários e subsídios em atraso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here