Atualidade

Autoridades alertam para agravamento das condições meteorológicas e agitação marítima

- publicidade -

A Marinha e a Autoridade Marítima Nacional emitiram um comunicado conjunto no qual alertam para o agravamento das condições meteorológicas e da agitação marítima a partir da noite desta sexta-feira.

A previsão do vento e do estado do mar aponta para um agravamento excecional das condições meteorológicas e de agitação marítima no Arquipélago dos Açores e na costa Oeste de Portugal Continental, entre a noite de hoje e as 12h00 do dia 24 de abril.

​​A agitação marítima será caraterizada por ondulação proveniente do quadrante Nor-Noroeste, com altura significativa que poderá atingir os quatro metros, e uma altura máxima de sete metros, com período médio a variar entre oito e 13 segundos.

O vento poderá registar intensidade média superior a 60 Km/h e rajadas superiores a 90 Km/h, provenientes do quadrante Nor-Noroeste, situando-se a precipitação entre os 2 e 18 mm/6h.

As duas entidades reforçam a recomendação, em especial à comunidade piscatória e marítima que se encontra no mar, para o eventual regresso ao porto de abrigo mais próximo e a adoção de medidas de precaução.

Recomendam o reforço da amarração e vigilância das embarcações atracadas e fundeadas e aconselha-se igualmente a que os marítimos mantenham um estado de vigilância permanente e acompanhem a evolução da situação meteorológica, através dos avisos à navegação e da previsão meteorológica radiodifundidos pela Marinha relativos à previsão meteorológica do IPMA, bem como outras informações disponibilizadas pelas Capitanias sobre as condições de acesso aos portos, evitando sair para o mar até que as condições melhorem.

À população em geral desaconselha-se as deslocações e a prática de atividades na orla costeira, em especial em zonas expostas à agitação marítima.​

Caso exista absoluta necessidade de se deslocar até à orla costeira, deverá manter uma atitude vigilante e prudente.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui