Parceiros
DestaquePalmelaSesimbraSetúbal

Autarquias de Setúbal, Palmela e Sesimbra unidas pelo Hospital de S. Bernardo

- publicidade -

As Câmaras Municipais e Setúbal, Palmela e Sesimbra estão unidas num apelo pela reclassificação do Hospital de S. Bernardo, Setúbal, e na organização de uma vigília para 11 de Janeiro, pelas 18h00, e para o qual apela à participação da população.

Os presidentes dos três municípios reuniram-se ontem no Fórum Intermunicipal da Saúde, movimento criado por André Martins, presidente da autarquia sadina, e aprovaram um documento no qual apelam «ao reforço da capacidade assistencial do Centro Hospitalar de Setúbal, dos cuidados de saúde primários e do Serviço Nacional de Saúde».

O Fórum Intermunicipal da Saúde pretende exigir respostas para os problemas na área da saúde, com destaque para os do CHS – Centro Hospitalar de Setúbal, a que se associaram os concelhos de Palmela e Sesimbra

O Fórum pretende ser um espaço de debate e de tomada de posições sobre a saúde, «que nasce da falta de respostas concretas do Governo ao agravamento dos problemas do Centro Hospitalar, que não se resumem às questões relacionadas com as instalações, sendo necessário reforçar os meios humanos».

André Martins voltou a insistir na reclassificação do hospital de forma também a permitir a criação de condições para a fixação de profissionais de saúde.

O encontro contou também com representantes de comissões de utentes dos três concelhos, do diretor clínico demissionário do CHS, Nuno Fachada, representantes do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses e do Sindicato dos Técnicos Superiores de Diagnóstico e Terapêutica e das Ligas de Amigos do HSB e do Outão.

A exigência da reclassificação do Hospital de São Bernardo, bem como do reforço da contratação de médicos de família, enfermeiros e outros profissionais para os cuidados de saúde primários é o objetivo da ação de protesto.

As unidades que integram o CHS, designadamente Hospital de São Bernardo, Hospital Ortopédico do Outão e o serviço ambulatório de psiquiatria, «têm vindo, desde há muitos anos, a perder capacidade assistencial, o que coloca em sério risco o direito à saúde e a saúde da população da sua área de referência, onde, alem de outros, se integram os concelhos de Setúbal, Sesimbra e Palmela» refere o apelo do Fórum Intermunicipal da Saúde.


SONDAGEM: Qual o seu sentido de voto nas próximas eleições legislativas a realizar no dia 30 de janeiro.
Carregue neste link para votar e partilhe
https://t.me/diariodistrito/1253

Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.