AgendaCulturaGrândola

Autarquia de Grândola inaugura Núcleo Museológico de São Pedro no sábado

- publicidade -

A Câmara Municipal de Grândola anunciou que vai ser inaugurado este sábado o Núcleo Museológico de São Pedro.

Este núcleo pretende ser um local de investigação e divulgação da memória coletiva e de salvaguarda do património histórico e arqueológico do concelho, e resulta da recuperação da antiga Igreja de São Pedro, edifício dos finais do século XVI, e da antiga Central Elétrica, no centro tradicional da vila.

O Núcleo Museológico de São Pedro envolveu um investimento global de 900 mil euros, incluindo um financiamento europeu na ordem dos 600 mil euros.

O público vai poder observar peças arqueológicas, fotografias, desenhos e textos que vão contar a história do concelho, datadas desde as Ruínas Romanas de Tróia à atualidade.

Durante este ano as entradas no Núcleo vão ser gratuitas embora com a implementação de todas as medidas de segurança devido à pandemia de covid-19, e pode ser visitado de segunda a sábado das 09h30 às 13h00 e das 14h00 às 17h00, encerrando aos domingos e feriados.

As visitas, gratuitas, são efetuadas por marcação antecipada através do número 269 450 129, e limitadas a 10 pessoas em simultâneo, de acordo com as normas de higiene e segurança recomendadas pela DGS.

Com um total de 200 m2, a área expositiva ocupa a antiga nave e o altar-mor e duas salas laterais dedicadas à exposição de longa duração, retratando lugares e exibindo artefactos datados desde o Paleolítico ao século XX, e uma outra sala lateral dedicada a exposições temporárias, onde ficarão patentes, numa primeira fase, fotografias da coleção Martins & Máximo.

O espaço alberga ainda um pequeno auditório para a projeção de um filme alusivo à história do concelho de Grândola.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui