Almada 2021

Autarquia de Almada esclarece que o “número de cães em matilhas diminuiu 35%” nas praias

A segurança das praias da Mata e Riviera tem sido colocada em causa por muitos banhistas devido aos ataques destas matilhas.

- publicidade -

Depois do ataque de uma matilha de cães selvagens na passada segunda-feira, nas praias da Costa da Caparica, o Diário do Distrito pediu esclarecimentos à Câmara Municipal de Almada.

A autarquia esclarece que “a provedoria do animal de Almada tem, em conjunto com a Policia Marítima e com os Nadadores Salvadores, feito patrulhamento das praias para evitar estes ataques. Acrescenta o provedor dos animais de Almada, Nuno Paixão, que “os cachorros têm sido resgatados, cadelas gravidas têm sido retiradas, assim como foram retirados os cães que atacaram”.

Neste momento em Almada o número de cães em matilhas diminuiu em cerca de 35%. A Câmara Municipal de Almada tem evidenciado grandes esforços para garantir a segurança de pessoas e de animais ao mesmo tempo, mantendo um equilíbrio possível, sempre com o objetivo de resolver o problema”.

Recorde-se que este ataque não foi um caso único. A segurança das praias da Mata e Riviera tem sido colocada em causa por muitos banhistas devido aos ataques destas matilhas.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo