Atualidadecoronavírus

Associação Portuguesa Bares, Discotecas e Animadores preparam protestos

publicidade

Depois de um pedido para a mudança das fotos de perfil dos membros, para a mensagem de que #Noiteemluto, a Associação Portuguesa Bares, Discotecas e Animadores prepara agora protestos perante as medidas de desconfinamento do Governo para o sector.

Nas redes sociais a Associação alerta para que «a nossa paciência acabou depois de 5 meses à espera achamos um insulto as novas medidas que nos apresentaram, tem nos chegado relatos por todo o país excessos e demasiada pressão por as entidades fiscalizadores, depois de um sector que foi exemplar no combate à epidemia fomos tratados como lixo.

A manifestação vai coincidir com os JOGOS DA LIGA DO CAMPEÕES e vai ter a duração 15 dias.»

Na quinta-feira a ministra de Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva, anunciou em conferência de imprensa à saída do Conselho de Ministros que os bares e as discotecas vão poder abrir em todo o país, até às 20h00, desde que funcionem com as mesmas regras que os cafés e as pastelarias agora cumprem, sem pistas de dança mas a poderem servir refeições ligeiras, como sandwiches e salgados.

Os bares e discotecas podem ainda ocupar os espaços de dança com mesas, desde que sejam respeitadas as normas de distanciamento social impostas pela Direção-Geral da Saúde e usar o espaço exterior como esplanada.

Por outro lado, os restaurantes passam a poder ter entradas até à meia-noite, mas o encerramento tem de se verificar até à 1h00.

Mas estas medidas não agradam aos empresários ‘da noite’, que consideram que não faz sentido abrir os estabelecimentos como meras pastelarias, com medidas que não vão permitir ao setor recuperar do impacto da pandemia.

Ler mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui