coronavírus

Arranque da vacinação por profissionais foi “escolha pragmática”, diz Marta Temido

Vacinar contra a covid-19 em primeiro lugar os profissionais de saúde foi uma “escolha pragmática”.

- publicidade -

A ministra da Saúde reiterou hoje, no Porto, que vacinar contra a covid-19 em primeiro lugar os profissionais de saúde foi uma “escolha pragmática” e que em janeiro arranca o programa de vacinação em estruturas para idosos.

“[Foi] uma escolha pragmática num momento que é apenas um primeiro momento de uma fase. Recebemos vacinas ontem [sábado] e vamos receber mais vacinas amanhã [segunda-feira] e vamos receber mais vacinas nas quatro semanas de janeiro. Estimamos que nessas semanas de janeiro passemos das vacinações a profissionais de saúde para as vacinações a estruturas residenciais para idosos”, disse Marta Temido.

A ministra da Saúde, que falava no Porto, onde hoje arrancou plano nacional de vacinação contra a covid-19 com o médico infecciologista António Sarmento, disse que quanto aos lares “o trabalho está avançado”, mas não se comprometeu com datas específicas.

“Em janeiro”, repetiu a governante, quando questionada pelos jornalistas.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui