AtualidadeBarreiro

Antiga casa de magistrados no Barreiro integra programa de Arrendamento Acessível do IHRU

O Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça (IGFEJ), pela área governativa da Justiça, e o Instituto da Habitação e Reabilitação Urbana (IHRU) pela Habitação, formalizaram um protocolo para a disponibilização de 23 imóveis para arrendamento acessível.

Estas habitações estão localizadas nos concelhos de Alcanena, Barreiro, Castelo de Vide, Elvas, Évora, Moimenta da Beira, Oeiras, Ovar, Peniche, Portalegre, Vila Franca de Xira, Redondo e Cascais.

Este é o segundo protocolo assinado entre as duas entidades. No total, já foram identificados 66 imóveis com o mesmo fim, localizados em 27 concelhos do país.

Os imóveis são na sua maioria antigas casas de magistrados, que se encontravam devolutas e sem utilização.

Os trabalhadores dos serviços e organismos da Justiça terão opção de acesso ao arrendamento de metade dos imóveis, desde que cumpram os critérios de elegibilidade do referido Programa.

Trata-se de uma medida do IGFEJ que se insere no âmbito da missão de gestão, conservação e rentabilização do património afeto à área da Justiça e que contribui para as políticas de Habitação Acessível.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *