Internacional

Alzheimer: Novo exame ao sangue deteta doença 20 anos antes

- publicidade -

Uma pesquisa de uma equipa de cientistas suecos revelou um exame ao sangue, que já está a ser sujeito a ensaios clínicos, capaz de diagnosticar Alzheimer 20 anos antes da manifestação dos primeiros sintomas.

O método revela uma proteína p-tau217, que só é possível detetar na fase inicial da doença. Uma pesquisa separada realizada por cientistas norte-americanos, conclui que esta proteína se acumula no fluído espinhal, acabando por provocar a morte das células cerebrais com o passar do tempo.

Atualmente, o Alzheimer só é detetado antes de se revelarem os primeiros sintomas com testes e exames ao fluído espinhal. Agora, se o exame for aprovado, será mais fácil detetar a doença neurodegenerativa 20 anos antes.

Os resultados de ambos os estudos foram recentemente apresentados na Alzheimer’s Association International Conference 2020.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo