Álvaro Amaro faz balanço de Semana Descentralizada no Pinhal Novo

Álvaro Amaro fez esta tarde um balanço da Semana Descentralizada, iniciativa que a Câmara Municipal de Palmela leva a cabo todos os anos, e que se iniciou em 2020 com a freguesia de Pinhal Novo.

0
121
Tempo de Leitura: 2 minutos

Álvaro Amaro fez esta tarde um balanço da Semana Descentralizada, iniciativa que a Câmara Municipal de Palmela leva a cabo todos os anos, e que se iniciou em 2020 com a freguesia de Pinhal Novo.

Depois de visitas a várias zonas, e também a actividades económicas, o presidente da edilidade explicou que “nesta visita dedicámos mais tempo aos territórios periurbanos com visitas às várias ‘pontas’ da freguesia e posso dizer que começámos com um caderno de encargos e terminámos com outro, porque as pessoas vieram colocar-nos várias situações em que a autarquia pode intervir. E uma das frases que mais ouvimos foi o «deviam vir cá mais vezes», mas quero garantir que não é por não estarmos no terreno que não deixamos de trabalhar todos os dias em prol da população.”

Álvaro Amaro destacou alguns pontos da semana como a reunião de trabalho com a Associação de Amigos do Bairro da Confidente “que tem feito um trabalho muito bom na dinamização social, cultural e desportiva de uma zona que até tinha alguns problemas de vandalismo”.

Mostrou-se também satisfeito porque “soube que até uma colónia com oito gatos está a ser cuidada, e ali foi colocado um abrigo, sendo que os animais serão agora esterilizados ao abrigo do programa ‘Animais de Bairro’ da autarquia, um projecto que já implementou seis aldeias de gatos e esta será a sétima de outras que estão planeadas”.

Apontou depois algumas das queixas dos fregueses “com questões do dia-a-dia como a limpeza e também pedidos de obras, algumas das quais já tínhamos conhecimento através da iniciativa ‘Eu Participo’ e que não se desviam muito do que temos projectado, sobretudo em matéria de asfaltamentos de vias”.

Outra reunião teve lugar com a Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola Básica José Afonso “construída em 2004 e a precisar de obras a vários níveis, sobretudo na cozinha, devido às novas regras de segurança alimentar”, uma reunião com o movimento associativo “no qual discutimos o futuro e Regulamento de Apoio” e referiu ainda as visitas realizadas às empresas Lusoverde, Bioespantalho e ao Centro Hípico Quinta do Rei.

As dezoito obras previstas para a freguesia do Pinhal Novo estão patentes numa exposição na na Biblioteca do Pinhal Novo, “um modelo que iremos repetir nas próximas visitas, e que permite que todos vejam o que será feito e numa sessão possam também colocar as suas dúvidas, que serão explicadas por técnicos da Câmara Municipal”.

Por último Álvaro Amaro referiu algumas obras necessárias ao nível da mobilidade, como uma rotunda na EN 252 à entrada do Parque Industrial Vale do Alecrim, uma alteração no acesso ao hipermercado Modelo na Rua 25 de Abril, a construção da rotunda no triangulo dos Pinheirinhos, e ainda a semaforização no cruzamento com a Rua 1.º de Maio e a Avenida Natália Correia na Urbanização Vila Serena, além da requalificação do pavimento e sinalização horizontal no troço que atravessa Pinhal Novo.

O presidente da Junta de Freguesia, Manuel Lagarto, frisou que “esta foi uma semana muito profícua de trabalho para todos e é sempre um momento de muita satisfação receber o executivo e os técnicos municipais e também afirmamos que ‘devia ser mais vezes’.

Estas visitas permitem-nos falar mais directamente dos nossos problemas e obter respostas que depois melhor transmitimos aos nossos fregueses, com respostas concretas quando somos por eles interpelados.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome