Economia

Alojamento turístico regrediu para valores de 1984 segundo o INE

- publicidade -

A AHRESP indica que, de acordo com o Instituto Nacional de Estatística (INE), no total do ano 2020, os estabelecimentos de alojamento turístico registaram 10,5 milhões de hóspedes e 26 milhões de dormidas, que se traduzem em quebras de 61,3% e 63%, respetivamente.

O mercado nacional registou 13,6 milhões de dormidas (-35,4% face a 2019), o valor mais baixo desde 2013, e os turistas internacionais não foram além das 12,3 milhões de dormidas, menos 74,9% face a 2019 e o valor mais baixo desde 1984.

Em relação aos principais mercados internacionais, o Reino Unido manteve-se como principal mercado emissor em 2020, representando 16,3% das dormidas de não residentes, apesar do decréscimo de 78,5% relativamente a 2019. Seguiram-se os mercados alemão e espanhol.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui