Parceiros
Economia

Alemã P2X Europe e Navigator fecham acordo de princípio para produção de combustível verde para a aviação

Investimento do projeto totalizará cerca de € 550-600 milhões

A The Navigator Company e a empresa alemã P2X Europe celebraram um acordo para a criação de uma joint venture, denominada P2X Portugal, com o objetivo de desenvolver uma unidade industrial de última geração para produzir, em larga escala, combustíveis não fósseis para o setor da aviação.

A P2X Portugal será instalada no complexo industrial da Navigator na Figueira da Foz, marcando deste modo, “um passo fundamental para Portugal e para a Europa no caminho para a construção de um ecossistema totalmente integrado de produção de combustíveis verdes”, Afirma a Navigator.


A P2X tem como finalidade atingir uma capacidade total de produção de 80.000 toneladas de combustível verde por ano, e deste modo, reduzir as emissões anuais de carbono em até 280.000 toneladas.

O Governo português concedeu ao projeto, o estatuto “Projeto de Interesse Nacional” (PIN), e esta previsto iniciar a operação comercial no primeiro semestre de 2026.

Para as duas primeiras fases de desenvolvimento, o investimento do projeto totalizará cerca de € 550-600 milhões na instalação de produção de H2 verde, na infraestrutura e processo de captura de CO2 biogénico, e na capacidade de produção de 40.000 toneladas por ano de crude e combustível sintético.

Em comunicado, a empresa afirma que “Portugal oferece condições e políticas de apoio que deverão permitir um crescimento rápido da capacidade de produção de combustíveis sintéticos verdes” assim com o facto de existir “A vantagem da localização em Portugal incluir o acesso competitivo a eletricidade 100% renovável (solar e eólica) como elemento primário para a produção de hidrogénio verde, bem como a uma das fontes de dióxido de carbono biogénico mais importantes disponíveis na Europa”.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.